MercadoNotícias

Lenovo termina 2018 como líder do mercado de PC

A Lenovo atingiu uma quota de mercado de 24,6% no último trimestre de 2018 isto apesar de Gartner e IDC terem revelado que o ano termina com um novo declínio do mercado de PC.

A fabricante chinesa consegue pelo segundo trimestre consecutivo ultrapassar a HP e manter-se como líder no segmento de computadores. Apesar do mercado estar em queda, como foi revelado pelas principais consultoras, a Lenovo cresceu 1,3% em relação a 2017, referem os dados da IDC.

Alberto Ruano, diretor-geral da Lenovo Ibéria, revelou a estratégia da empresa: «queremos ser líderes em todos os segmentos do mercado de PCs. No entanto, mais do que crescer em vendas, o nosso principal foco é ter um portfólio de produtos de elevada qualidade. Crescer em valor é mais importante do que crescer em quota de mercado».

A HP termina o ano na segunda posição com uma quota de mercado de 23,6% e a Dell mantêm-se no terceiro lugar 16,5%. O quarto posto é ocupado pela Apple e o quito pela Acer com 7,2% e 6,7%, respectivamente.

De acordo com a consultora, a nível global, foram vendidos 68,1 milhões de unidades no quatro trimestre de 2018, o que representa um decréscimo de 3,7% em relação à mesma ao mesmo período do ano anterior.

As previsões em relação ao mercado de PC eram mais negativas e este teve um «desempenho melhor» do que o esperado. Em parte, isso «deveu-se à renovação do parque empresarial derivado do fim de vida do Windows 7 em Janeiro de 2020», explicou a IDC, em comunicado.

 

Mafalda Freire
Fã de tecnologia, gosta especialmente de tudo o que esteja relacionado com automóveis e mobile. Além disso é apaixonada pelo Star Wars.