NacionalNotícias

Dualinfor ajuda autarquias portuguesas nos seus planos de sustentabilidade ambiental

A Dualinfor está a reforçar a sua presença na administração local portuguesa, contribuindo para o desenvolvimento de programas e planos de sustentabilidade ambiental dos municípios nacionais.

A empresa fornecedora de soluções e serviços de impressão para o segmento empresarial é actualmente responsável pela gestão de um parque instalado de mais de 200 equipamentos. As soluções estão distribuídas pelos serviços internos das autarquias, estabelecimentos escolares e outros serviços municipais.

A parceria com fabricantes de referência e parceiros locais, aliada à sua experiência não só na auditoria às necessidades dos municípios, como no desenvolvimento da solução adequada, instalação, formação e serviço são algumas das mais-valias oferecidas pela Dualinfor.

As Câmaras Municipais do Entroncamento e Benavente estão entre as entidades que elegeram os serviços da empresa para a optimização dos custos energéticos e operacionais, desempenho, emissão de resíduos, gestão e utilização, directamente imputados aos seus parques de impressão.



O responsável pelo sector da informática no município de Benavente, João Mateus de Almeida, explica como foi o processo escolha: «na sequência de concursos públicos para aquisição de bens e serviços na área de impressão e digitalização, tivemos a oportunidade de conhecer a tecnologia da Epson para esta área. De facto, é totalmente diferente do ponto de vista tecnológico, do que é hoje mainstream: o laser».

Após cinco meses de utilização, a autarquia de Benavente faz um balanço positivo da parceria. João Mateus de Almeida revela alguns dos ganhos que já foram sentidos: «As vantagens de economia energética, podendo, por exemplo, comparativamente à impossibilidade das lasers, ligar as impressoras a UPS, inibindo assim avarias frequentes que tínhamos por micro-cortes de energia».

O responsável salienta, ainda, que o tipo de tinta (base aquosa) é também um claro benefício «dado que não tem componentes cancerígenos ou alergénios, é importante para quem trabalha em gabinetes fechados».

Por seu turno, Luis Fancaria, CEO da Dualinfor esclare  a estratégia da empresa: «A nossa aposta e compromisso vão no sentido de demonstrar, junto de outras entidades e organismos, todos os benefícios que as nossas soluções representaram para estes municípios, e acreditamos que o nosso parque ao serviço das administrações locais será duplicado até ao final do presente ano».

Business-IT