Publicações recentes
Redes sociais:
HomeNotíciasNacionalCDI reforça aposta em Portugal com ajuda da DataSmart

CDI reforça aposta em Portugal com ajuda da DataSmart

A DataSmart foi selecionada pela CIDI para a implementação de um interface de produção que vai contribuir para agilizar as operações da empresa francesa em Portugal.

O projecto consistiu na implementação de uma interface de produção com o objectivo de reduzir o volume de trabalho da equipa de designers e agilizar o processo de produção da empresa no Cadaval.

O processo de produção começa no departamento de design, que, ao receber um grande volume de encomendas, causava atrasos nas outras etapas. Agora os trabalhos mais simples passam ser enviados directamente para a parte de impressão, agilizando toda a cadeia de produção.

A tecnológica portuguesa especializada no estudo e implementação de soluções para o mercado empresarial, que selecionou uma base composta por tecnologia Easyista, permitiu alocar às equipas tarefas de maior importância para o desenvolvimento da empresa. Para além disso, permitiu ter uma maior fluidez em todo o processo de produção.

Henri Dias, director-geral da CIDI em Portugal, refere que «a DataSmart percebeu claramente o nosso processo de produção e as nossas necessidades. A solução proposta destacou-se pela qualidade, tendo ainda a relação qualidade preço do serviço e o óptimo acompanhamento por parte da equipa comercial e técnica, sido os fundamentos essenciais para a nossa escolha».

O responsável sublinha, ainda, que a solução pode ser ligada «a novos sistemas tecnológicos que pretendemos desenvolver depois da fase de produção. O nosso objetivo é conseguir controlar o processo de produção desde a entrada do projeto até à fase de entrega ou colocação do produto no cliente».

A filial portuguesa é responsável pela exportação dos produtos e serviços do grupo CIDI e existe um plano de expansão do negócio que passa por consolidar o mercado português e por exportar para outros países nomeadamente USA, Dubai, Reino Unido, Itália e Espanha.

O executivo revelou ainda que vão haver produtos alocados a cada país: «está previsto definirmos uma série de produtos produzidos exclusivamente em Portugal, outros em França e outros na Bélgica, em função do core business de cada filial. Atualmente a filial portuguesa assume-se como especialista em impressão em têxtil e produção de estruturas feitas a medida, em lona e vinil».