Segurança

«A segurança da informação dos clientes é crítica»

A Nos reforçou a sua aposta na área da segurança para oferecer aos clientes empresariais uma protecção avançada contra as ameaças cada vez mais complexas.

A Nos é um operador de telecomunicações, mas hoje «é muito mais» que isso, já que gere também «plataformas de comunicações, de IT e cloud e serviço», conforme indicou à businessIT, Manuel Ramalho Eanes, administrador executivo da empresa. É por isso que a «segurança tem sido desde sempre um elemento crítico das operações», acrescentou.

O administrador da NOS esclareceu que a «segurança da informação dos clientes é crítica» e que por essa razão, todos os produtos e serviços «são construídos com base numa framework secured by design».

De acordo com o responsável, na Nos, a segurança é vista como uma «chave no desenvolvimento de uma estratégia de transformação digital de sucesso nas empresas». Desta forma, o executivo explicou que há uma preocupação num trabalho em conjunto com as organizações: «Trabalhamos todos os dias com os nossos clientes para criar, com eles, as soluções que melhor se adequam às suas necessidades e negócio específicos».

Parceria com S21sec

A empresa disponibiliza, em colaboração com a S21sec, «um conjunto de produtos e serviços específicos para a cibersegurança das empresas». Com este parceiro tecnológico, que tem uma forte presença no mercado europeu e na Península Ibérica, a Nos oferece soluções de firewall e protecção de email; soluções de segurança operacional, como gestão de vulnerabilidades; videovigilância; segurança de dispositivos móveis e a criação de security operation centres (SOC).

Este último, «é um serviço com inúmeras vantagens para as empresas que trabalham com grandes quantidades de dados em diferentes plataformas e devices e que dependem de forma significativa destes para garantir um nível de serviço de excelência», disse o responsável.

Visão de 360º

As soluções de segurança são disponibilizadas em modelo ‘as-a-service’: «Através da nossas infraestruturas e data centres, garantimos a segurança acrescida de que as soluções de segurança que disponibilizamos em modelo cloud têm a resiliência, flexibilidade e escalabilidade necessária para obtermos a melhor performance e tornarmos os negócios dos nossos clientes mais competitivos», explicou Manuel Ramalho Eanes.

O administrador executivo da Nos referiu ainda que a segurança deve ser encarada como «estratégica» para as organizações, «dados os riscos que um mundo em transformação digital gera». Assim, a empresa quer diferenciar-se dos concorrentes através da capacidade de disponibilizar uma oferta de «segurança a 360 graus, com parceiros de reconhecida excelência». Além disso, a Nos aposta na «constante actualização» dos produtos e serviços «para fazer face às mais recentes e variadas ameaças de segurança oriundas de um mundo sem fronteiras digitais» concluiu o responsável.

Mafalda Freire
Fã de tecnologia, gosta especialmente de tudo o que esteja relacionado com automóveis e mobile. Além disso é apaixonada pelo Star Wars.